Controle Patrimonial

Ativo Imobilizado



Avaliação



Inventário Patrimonial



Teste de Impairment



Impairment Test

Impairment Test


  Entre em contato via WhatsApp   Entre em contato via WhatsApp

Objetivo do Ativo Imobilizado O Ativo Imobilizado, também conhecido como Ativo Fixo, é composto por bens que tem por finalidade a operação da empresa, fazer com que a empresa possa realizar suas atividades. O Ativo Imobilizado é administrado por meio do Controle Patrimonial e os bens são contolados sub-divididos em Contas Contábeis, entre elas: Máquinas, Edifícios, Móveis, Veículos, entre outras. O Ativo Imobilizado visa gerar Resultados a empresa em sua utilização ou na sua venda (realização). • O conceito de Valor Residual ou Valor Contábil Liquido Na aquisição de um bem do Ativo Imobilizado, contabilmente esse Ativo é registrado pelo Valor de Aquisição, entretanto, ao longo do tempo, o mesmo pode e deve ser depreciado em razão do desgaste da utilização, essa depreciação deve atender limites impostos pela Receita Federal. A depreciação mensalmente registrada pela Contabilidade, vai sendo acumulada ao longo do tempo e a chamamos de Depreciação Acumulada, essa Depreciação é uma conta redutora do Ativo Imobilizado, e quando consolidamos, Valor de Aquisição deduzido da Depreciação Acumulada temos como resultado o Valor Residual do Bem ou o Valor Contábil Líquido. • O que é o Valor Recuperável Valor Recuperável é o resultado do maior valor quando comparamos as avaliações de um bem por meio da Avaliação do Valor Justo de Mercado x Capacidade de Gerar Caixa pelo Ativo. • Como se obter o Valor Justo de Mercado O Valor Justo de Mercado é um dos métodos de Avaliação de Ativos, por meio dessa Avaliação, buscamos obter as mais diversas características do bem ou bens em analise, entre elas, seu estado de conservação, e buscar no mercado bens ou itens com as mesas características, similaridades. Na impossibilidade de se obter bens iguais, buscamos bens que apresentam características semelhantes e aplicamos a depreciação técnica, baseado em normas da ABNT, para então se chegar ao Valor Justo de Mercado. Toda essa metodologia, pode e deve ser auditada, para que o processo ocorra com total transparência e precisão. • A capacidade de gerar Resultado de um Ativo Essa seria a melhor das avaliações de um bem ou Ativo, entretanto, diante da dificuldade de empresas em definir e estruturar essa metodologia, acaba sendo pouco utilizada. A Capacidade de Geração de Caixa de um Ativo, relata por meio de estudos, a capacidade produtiva do bem (vida útil, capacidade técnica, entre outros) e também a capacidade de absorção do mercado, o universo de riqueza que esse Ativo pode gerar. É importante ressaltar que enriquece essa analise o estudo de mercado, desenvolvido por empresas especializadas. • Valor Contabil x Valor Recuperável Após ter em mãos as Avaliações de Valor Justo de Mercado e também Geração de Caixa do Bem, a que resultar em maior valor será considerada o Valor Recuperável do Bem, e essa Avaliação deverá ser comparada ao Valor Contábil Líquido. Caso o Valor Contábil Líquido esteja superior ao Valor Recuperável, a empresa então deverá realizar os devidos ajustes contábeis. • O ajuste de Impairment O ajuste de Impairment, somente deve ser efetuado quando o Valor Contabil estiver superior ao Valor Recuperável, em hipótese alguma é permitido agregar valor a um Ativo, anteriormente a lei 11638/07, era possível realizar a Reavaliação Patrimonial, entretanto, após ficou impossibilitado. O ajuste de Impairment deve ser realizado quando o Valor Contábil Líquido for superior ao Valor Recuperável, diante disso, a Contabilidade deverá criar uma conta contábil redutora, com a nomenclatura que mais se adeque a realidade e registrar a provisão de ajuste de Impairment, reduzindo com isso o valor do bem ao Valor Recuperável, em contra-partida podemos registrar no Resultado ou em casos específicos o Patrimonio Líquido. • A periodicidade da realização A realização do Teste de Impairment deve ser anual, conforme determina a legislação, e é muito importante as empresas estarem atentas, pois os ajustes de Impairment devem ser revisados e caso necessário, novos ajustes podem ser realizados nos mesmos bens, sejam para aumentar a provisão de perdas, ou mesmo estorna-las, assim que identificado que o Valor Contábil está inferior ao Valor Recuperável. É importante também deixar claro que são diversos fatores que podem resultar na necessidade de ajuste de Impairment, entre eles: o Efeitos cambiais o Oscilações de mercado o Up-Grades Tecnológicos o Descontinuidades de linhas de produção o Entre outras. • A AXS Consultoria Empresarial – Divisão de Ativos Para a realização de todo esse processo, é fundamental que a empresa esteja assessora por especialistas no assunto, conhecedores de todos os tramites que dizem respeito ao Ativo Imobilizado. A AXS Consultoria Empresarial -Divisão de Ativos, está no mercado de Inventário e Avaliação Patrimonial a mais de 10 anos, conta com profissionais altamente qualificados...

 



Data: 17/05/2022


Mais Informações








Compartilhar:


Quer ganhar uma consultoria grátis? Deixe seus dados abaixo: